sabato 25 giugno 2011

Gatos celestes e terrestres

O astrônomo francês Lalande deu a uma constelação o nome de Félix, o Gato, e explicou a razão: «Adoro gatos; espero, pois, que após 60 anos de trabalhos incansáveis no campo da Astronomia, me permitam colocar um deles no céu.» Olha o Rafinho nos primórdios de maio de 2.008! Nossa, há mais de três anos. O tempo não pára! O tempo voa!
Foi um gatinho muito bonzinho! Espero que ainda esteja vivo e que esteja bem. Adeus, Rafinho! Fica bem!

Nessun commento:

Posta un commento